Bebês e Crianças Cuidados Diários
07 ago 2015

Assaduras em bebê: saiba por que aparecem e veja como prevenir e tratar

Imagem: Site Bepantol Baby

Imagem: Site Bepantol Baby

Se deparar com a pele avermelhada e irritada do bebê é uma situação que chega a doer no coração de qualquer mãe. Mesmo que haja trocas de fraldas frequentes e cuidados máximos de higiene, algumas crianças possuem a pele mais sensível e apresentam formação de assaduras com muita facilidade.

Cuidados na hora de higienizar o bebê, utilização dos produtos corretos e alguns hábitos podem ajudar a amenizar a situação. Se o seu bebê apresenta assaduras com muita frequência, verifique se você está fazendo a limpeza na frequência correta e se está secando adequadamente o bumbum da criança.

Cuidar a própria alimentação também poderá ajudar a prevenir o aparecimento de assaduras no bebê. Há alimentos com nutrientes que passam para o leite materno e podem causar assaduras e outros sintomas em crianças que possuem alergias.

O problema mais comum ocorre com uma proteína presente no leite da vaca, que causa alergia, provoca assaduras e também outros sintomas, como cólicas. Há casos também de mães que perceberam o aparecimento de assaduras após comerem outros alimentos, como abacaxi e limão.

Causas da assadura
A ideia de que a assadura ocorre apenas quando há uma má higienização é equivocada. O problema pode aparecer por N razões, incluindo também a sensibilidade da pele do bebê, que pode fazer com que seja quase impossível evitar o aparecimento.

No geral, a assadura é provocada pela umidade. Bebês urinam e defecam muito e, por mais que a fralda tenha um alto poder de absorção, é quase impossível que a pele não entre em contato com as substâncias excretadas.

O uso de antibióticos também pode ser o responsável pela proliferação de fungos. Quando a assadura comum não é tratada de forma correta, é possível que o problema avance para uma micose e provoque uma infecção mais grave.

Prevenção, dicas e cuidados
A melhor forma de prevenir a assadura é fazendo o possível para manter o bebê limpo e seco por mais tempo possível. Trocar as fraldas com bastante frequência, lavar bem o bumbum da criança em cada troca – com água e sabão apropriado –, é a melhor forma de evitar que o problema apareça.

Evite o uso de lenços umedecidos e aposte em algodão na limpeza. Na hora de secar, apenas encoste uma toalha macia sem esfregar ou utilize secador de cabelo, em potência baixa e em temperatura fria. Cerifique-se de que a criança está bem seca antes de colocar a fralda novamente. Se quiser utilizar pomadas no tratamento, consulte o médico antes de aplicar algum produto na pele do bebê.

Algumas receitas caseiras também podem ser eficientes para prevenir e tratar assaduras. Algumas mães costumam misturar chá de camomila na banheira na hora de limpar o bebê. As substâncias do chá são cicatrizantes e ajudam também a manter a criança relaxada.

A maisena (amido de milho) é outra solução caseira que ajuda no tratamento. Algumas mães costumam passar a substância sempre após o banho da criança, enquanto outras utilizam apenas quando a assadura aparece. Para quem quer uma solução alternativa, não custa nada tentar.

By: Ana Paula Bretschneider Ramos

Comente via facebook
Deixe seu comentário

Quer que sua foto apareça nos comentários? clique aqui
1 Comentário
  1. Andressa vieram José
    05/12/19 - 18h29

    Mamão.costuma assar criança frequentemente.

Topo
Mais Lidos do Blog
Fique conectado com a gente!
  • A utilização dos canais digitais pode trazer uma série de benefícios para as crianças e adolescentes, mas também é preciso estar atento aos malefícios. Por isso, separamos alguns pontos para mantermos a atenção com nossos filhos, confira! 
#mundodigital #internet
  • O uso das telas está aumentando cada vez mais: durante os últimos anos fomos obrigados a interagir, trabalhar e estudar pela tela de um computador ou celular. Se durante a vida adulta já enfrentamos dificuldades de estar conectados às telas o tempo todo, durante a infância e adolescência o problema pode ser ainda maior. Existem algumas dicas para poder manter a utilização saudável das telas durante o desenvolvimento dos filhos, por isso separei algumas orientações da Sociedade Brasileira de Pediatria (www.sbp.com.br) sobre o tempo indicado de tela por faixa etária. Confira em www.dicaspaisefilhos.com.br 
#temponocelular
  • #frasesinspiradoras
  • A autoestima se desenvolve, em grande parte, durante a infância e adolescência, podendo implicar no desenvolvimento da pessoa até sua vida adulta. Ela é uma construção das percepções positivas ou negativas que temos de nós mesmos, que pode receber influências externas de acordo com o meio em que se vive. E hoje, com o crescimento massivo do uso de telas para a interação social, é importante prestar atenção na forma em que os adolescentes consomem conteúdos de redes sociais que podem afetar o desenvolvimento de sua autoestima. Leia mais sobre esse assunto em www.dicaspaisefilhos.com.br #autoestima #autoimagem #adolescencia
YouTube
Se inscreva!