Gravidez
15 ago 2014

A importância do Omega 3 na gestação

Imagem_ProepaGesta
Durante a gravidez da Luisa e do Antonio Pedro sempre me preocupei muito com a alimentação para que evitasse o ganho excessivo de peso e também para aumentar as chances das crianças nascerem fortes e saudáveis. Sempre li muito sobre o assunto e na época também buscava orientação com o obstetra e uma nutricionista.

“Durante a gravidez os cuidados com a alimentação devem ser redobrados e muitas gestantes ficam em dúvida sobre qual dieta seguir para suprir suas necessidades alimentares e as do bebê.A alimentação da gestante e o estado nutricional do bebê podem influenciar a predisposição que ele terá a doenças na vida adulta”, afirma Lenycia Neri, nutricionista do Instituto da Criança do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade São Paulo (FMUSP).

É muito comum o obstetra fazer uso de uma suplementação alimentar para que seja garantido a mamãe a quantidade de vitaminas e nutrientes necessárias para ela e para o bebê. Nessa lista podemos citar a importância do Omega 3, destacando o DHA que é uma parte importante na composição do ômega 3.

Em estudos mais recentes foi comprovado que o o Ômega 3 auxilia na redução dos partos prematuros de origem espontânea, ajuda no desenvolvimento cerebral e da retina do feto e, ainda ajuda muito na prevenção das alergias infantis.

O grande problema está na dificuldade de ingerirmos a quantidade de Ômega 3 necessária para nossa dieta. O Ômega 3 pode ser encontrado no salmão, sementes de linhaça, nozes e azeite de oliva, mas na maioria das vezes é consumido numa quantidade insuficiente. Fazendo-se necessária a utilização da suplementação de Ômega 3 através da ingestão de cápsulas.

Desde 2007 a Comissão Europeia recomenda que a ingestão de Ômega 3 DHA seja de, no mínimo, 200 mg ao dia para gestantes e lactantes. O Ômega 3 é um ácido graxo essencial para o organismo não sintetizado naturalmente e que, por isso, precisa ser consumido na dieta. A Ache trouxe para o Brasil o Proepa Gesta, que é líder no mercado de suplementação de ômega 3 com DHA. Cada cápsula de Proepa Gesta contém 250mg de DHA concentrado. A recomendação é que a gestante tome de 1 a 2 cápsulas ao dia ou conforme a orientação do ginecologista obstetra responsável pelo seu pré-natal.Apesar dos benefícios o recomendável é que o médico seja sempre consultado.

É preciso ficar atenta que existe uma grande disponibilidade de Ômega 3 no mercado, mas nem todos tem a mesma concentração de DHA indicada pelos médicos. Nos Estados Unidos e Europa a suplementação de Ômega 3 DHA durante a gestação é a amamentação é muito comum e agora está passando a ser mais comum também no Brasil.

Qualquer dúvida a respeito dos benefícios e se você deve ou não tomar o suplemento entre em contato com o seu médico, ele é sempre o mais indicado para tirar as suas dúvidas. Para mais informações sobre o Proepa Gesta, acesse o site.

Comente via facebook
Deixe seu comentário

Quer que sua foto apareça nos comentários? clique aqui
3 Comentários
  1. Viviane
    21/08/15 - 16h19

    Por favor.

    Posso tomar o ômega 3 e o polivitamínico (Materna)?

    Obrigada

    • 23/08/15 - 13h17

      Viviane,
      boa tarde! Obrigada pelo comentário.
      Quem pode te responder isso é o seu médico. Obrigada pela compreensão.
      Beijos, gabi

  2. Roberta
    22/08/17 - 12h08

    Sim, pode tomar materna e ômega 3.

Topo
Mais Lidos do Blog
Fique conectado com a gente!
  • Linda demais essa parceria da @tudo_para_boneca e da @elasqueremlasfadas roupa menina e boneca!
Você encontra na @monkinoaoficial e @cirandinha_ciranda 
#post #dicaspaisefilhos #família #mensagem #postdodia #escola #educação #family #education #kids #psicopedagogia #criancas #blogdematernidade #maternidade #desenvolvimento #tudoparaboneca #maeefilho #irmaos #pais #paternidade
  • Boa reflexão
YouTube
Se inscreva!