Diversos
18 set 2015

Terror Noturno

Terror Noturno

Terror Noturno: Como Lidar Com Esse Problema?

O nome assusta. “Terror Noturno” parece algo relacionado a algum filme horripilante, daqueles que evitamos assistir com nossas crianças. No entanto, o que parece ser algo assustador na verdade é algo que não causa um grande estrago, apesar de incomodar pais que recorrentemente têm que lidar com os filhos que acordam com muito medo no meio da noite.

Nos bebês, é comum o choro incontrolável, meio que como um desespero. Já nas crianças maiores (até os cinco anos), pode surgir até mesmo sonambulismo. Vamos retratar um pouco mais sobre terror noturno no post de hoje.

Antes de começarmos com as nossas dicas sobre como lidar com o terror noturno, tenha em mente que é preciso não gritar com o seu filho quando este acordá-la durante a madrugada. Os pequenos ainda não entendem muito bem o que estão acontecendo com ele, e o medo do escuro, por exemplo, nada mais é do que uma resposta para esse receio que talvez nem a própria sabe dizer a razão.

Em alguns casos específicos, o tratamento para terror noturno pode envolver até mesmo medicamente. É o que afirmam os especialistas em sono e psicoterapeutas infantis. Agora, vamos saber um pouco mais sobre Terror Noturno.

O Que é o Terror Noturno?
O terror noturno é, acima de tudo, um distúrbio do sono. Como já começamos a apresentar na introdução logo acima, esse distúrbio é caracterizado pelo terror em que a criança acorda no meio da noite, muitas vezes chorando e gritando (o que pode ser uma dor de cabeça para os pais, tamanho é o susto!).

A preocupação dos pais também aumenta porque na grande maioria dos casos, as crianças não acordam inteiramente, apesar de estarem com os olhos abertos e chamarem o nome da mãe ou do pai. Não se desespere, pois a criança continua dormindo quando isso acontece.

Qual a Diferença Entre Terror Noturno e Pesadelo?
Muitos pais confundem o terror noturno com pesadelo. E faz todo o sentido.

A diferença é que, nesse caso, o pesadelo é muito mais comum e pode acontecer a qualquer hora da madrugada. O terror noturno, por sua vez, geralmente acontece quando a criança está num sono profundo, mais ou menos entre as primeiras quatro horas após ter ido pra cama.

Por não estarem suficientemente acordadas, as crianças geralmente não lembram o que aconteceu no dia seguinte, e é bem comum voltarem a dormir tranquilas e serenas após a perturbação do terror noturno.

Qual é a Causa do Terror Noturno?
Por muito tempo acreditava-se que as causas do terror noturno estariam ligadas ao estresse do dia-a-dia da criança. Essa ideia já foi muitas vezes refutada através de pesquisas, que não chegaram a um consenso geral sobre o que acarretaria esse susto durante a madrugada.

O que se sabe é que não existe um motivo único e preciso sobre as causas do terror noturno, mas pode estar sim muito relacionado às ocorrências entre membros de uma mesma família. Com isso, podemos diminuir mais um ponto de preocupação dos pais.

O Que Preparar Para a Consulta Médica?
Quando julgar necessário uma consulta a um especialista para tratar o terror noturno do seu filho, fique ciente de que serão necessários alguns pontos a serem retratados. Entre as especialidades que você pode recorrer estão o clínico geral, pediatra, médico do sono, psiquiatra, psicólogo e neurologista.

Prepare uma espécie de diário para apresentar ao médico, incluindo horários de sono da criança, fatores que podem tê-las influenciado a acordar, alimentação, mudanças na rotina diária, etc. Tudo isso pode estar documentado por um período de 15 dias. Isso pode ajudar bastante o médico a ter um panorama geral do diagnóstico e, assim, escolher qual é o melhor tipo de tratamento.

E Qual Seria o Tratamento Para Terror Noturno?
Nos casos mais comuns, não serão necessárias grandes preocupações em relação ao tratamento, já que terror noturno é algo que pode interferir bem pouco no desenvolvimento da criança e os sintomas geralmente vão desaparecendo de acordo com que a criança cresce.

Entretanto, o terror noturno pode estar atrelado a outros problemas de saúde mais sérios, como a apneia do sono, refluxo e até mesmo o estresse (mesmo não sendo regra). Nesses últimos casos é que será preciso um cuidado maior, assim como casos em que a criança corre riscos de se machucar seriamente.

Em situações das quais exigem medicamentos, o tratamento fica entre duas e três semanas.

Como Lidar com o Terror Noturno?

Fique de olho na segurança: O maior perigo do terror noturno é quando as crianças despertam com muita euforia. Nesses casos, é muito importante evitar os beliches, pois a queda poderá ser feira caso ela durma na parte de cima.

Alguns pequenos também podem andar pela casa como se fossem sonâmbulos. Se isso acontecer, utilize algumas espécies de sino para você acordar mais facilmente com o barulho. Objetos cortantes devem estar fora do alcance, enquanto portas e janelas precisam estar devidamente trancadas.

Crie um clima para a hora de dormir: Um bom banho morno e ler histórias tranquilas pode ajudar bastante para que seu filho tenho um sono mais ameno e leve. A privação do sono deve ser evitada a qualquer custo. Isso significa que não a deixar adormecer no meio da tarde com a falsa ideia de que ela ficará insone durante a noite pode ser prejudicial. Lembre-se que privação de sono é fator determinante para terror noturno.

É importante descobrir qual é o relógio do sono de seu filho.

Descubra a frequência em que o terror noturno ocorre: Para descobrir qual é o padrão em que acontece o terror noturno, será preciso criar uma espécie de diário em forma de planilha.

Nessa planilha, você colocar o horário em que a criança acordou, qual é o dia da semana, quanto tempo durou o terror, o que ela fez antes de dormir, o que ela comeu (e a quanto tempo), se ela dormiu em outro horário do dia, o que ela fará no dia seguinte, etc.

Enfim, informações como essas podem ajudar a descobrir quais seriam os fatores que podem levar ao terror noturno. Ao descobrir se está relacionado ao horário em que a criança vai pra cama, basta alterar a rotina e boa parte do problema estará solucionado.

Comente via facebook
Deixe seu comentário

Quer que sua foto apareça nos comentários? clique aqui
Topo
Mais Lidos do Blog
Fique conectado com a gente!

    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/storage/4/41/c0/site1374371703/public_html/wp-content/themes/plicplac/functions.php on line 282
YouTube
Se inscreva!

Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0