Bebês e Crianças Desenvolvimento Diversos Educação
04 fev 2014

Uso de tablets por crianças

2012-566817041-20121108124803236rts.jpg_20121108

O uso de tablets e smartphones por crianças vem cada vez mais preocupando pediatras e outros especialistas. Pelo segundo ano consecutivo os tablets lideraram a lista de presente de natal mais pedido pelas crianças. Mesmo sem saber ler, as crianças conseguem escolher sozinhas filmes para assistir, jogos ou ver fotos.

Hoje em dia é muito comum os pais deixarem seus filhos horas brincando nos dispositivos e se sentem menos culpados por achar que usando os aparelhos as crianças estão aprendendo com os aplicativos. Fabricantes como a Samsung colocaram no mercado tablets especialmente projetados para os pequeninos e boa parte dos tablets para adultos já vem com controle que os pais devem configurar para filtrar o conteúdo.

Além dos tablets projetados para crianças, alguns fabricantes de brinquedos também lançaram no mercado acessórios para os tablets, como é o caso da Fisher Price que possuí case para tablets para facilitar o uso das crianças.

Mas especialistas alertam, que não há qualquer prova de que passar muito tempo navegando num tablet ofereça qualquer benefício educacional ou relativo ao desenvolvimento das crianças. Na verdade, essa navegação tira as crianças de seu elemento natural: brincar, interagir com amigos e adultos ao vivo e usar brinquedos comuns que não sejam digitais. Para os médicos, ficar muito tempo entretido com a tela de um celular ou tablet cada vez mais se mostra ligado a problema comportamentais e atraso no desenvolvimento social.

Mas sobre o assunto de desenvolvimento da criança, a controvérsias, alguns especialistas acham que os tablets e smartphones são benéficos do ponto de vista educacional. Porém um consenso geral é de que a criança não deve ficar mais de 2 horas utilizando esse tipo de aparelho e que o uso deve ser assistido.

Além do questionamento educacional, também temos um contexto social que deve ser avaliado. É muito inconveniente estar sentado num restaurante e na mesa ao lado ter criança assistindo filme no tablet. Os pais tem uma preocupação exagerada em manter as crianças ocupadas o tempo todo, mas é preciso também deixar a criança viver o vazio para usar a sua imaginação.

O tédio não é tão mau quanto os pais possam pensar, inclusive ajuda as crianças a se preparem para os momentos mais aborrecidos que terão na vida adulta, assim como ajudá-las a desenvolver sua independência.

As crianças que têm uma vida completamente preenchida, correm o risco de vir a se tornar adultos estressados e ansiosos.

É preciso ficar bem atento ao uso dos tablets. Recentemente assisti uma reportagem sobre o assunto e resolvi compartilhar com vocês.

Fontes: O Globo

Comente via facebook
Deixe seu comentário

Quer que sua foto apareça nos comentários? clique aqui
1 Comentário
  1. […] R7 , TheFineBros , Desenvolvimento do Bebô , Dicas Pais e Filhos , Jornal do Brasil , […]

Topo
Mais Lidos do Blog
Fique conectado com a gente!
  • Boa reflexão
YouTube
Se inscreva!