Saúde
18 jul 2017

Cãoterapia melhora humor e adesão aos tratamentos em hospital pediátrico no Rio

Cãoterapia melhora humor e adesão aos tratamentos em hospital pediátrico no Rio

As segundas-feiras são de festa no Hospital Prontobaby. Os motivos, além de peludo, têm quatro patas e adoram distribuir carinho entre as crianças: são os cães do Projeto Pêlo Próximo. Desde 2015, o programa de cãoterapia implantado pelo hospital pediátrico leva os pets para passarem um tempo junto aos pacientes internados.

Além dos sorrisos fáceis, atitudes mais sociáveis e uma adesão maior aos tratamentos são alguns dos principais benefícios percebidos pela equipe médica.

De acordo com Adriana Cabana, psicóloga coordenadora do Centro de Apoio ao Familiar do Grupo Prontobaby, o programa de cãoterapia ferece um diferencial importante à assistência pediátrica, reinventando o ambiente hospitalar:

– Ainda que os cães não influenciem diretamente a cura ou melhora física das doenças, eles proporcionam momentos de alegria e relaxamento aos pacientes. Como consequência, as crianças ficam mais motivadas, melhoram o humor, a recepção aos tratamentos, a socialização e integração com a equipe médica.

Para participar das atividades, os cães devem estar vacinados e vermifugados, prevenindo a transmissão de doenças. Além disso, precisam ter um perfil dócil, carinhoso e reconhecida afeição por pessoas.

Atualmente, o programa de cãoterapia do Prontobaby conta com seis voluntários, acompanhados por três pets, explica a coordenadora do Projeto Pêlo Próximo, Roberta Araújo:

– Desenvolvemos atividades lúdicas com a participação dos pets, que se tornam elementos de mudança importantes no cotidiano do hospital. Ao projetar neles os seus sentimentos, as crianças criam um vínculo especial com os animais, que se transforma em força motivadora para cooperação e evolução positiva nos seus tratamentos.

Interação animal e qualidade de vida

É mais fácil os pets mudarem nosso humor para melhor que para pior. Não à toa, os animais de companhia são um dos meios mais rápidos para melhorar a qualidade de vida, sendo fonte de apoio incondicional em qualquer momento do dia.

Segundo um estudo publicado em 2001 no Journal of the American Association of Human-Animal Bond Veterinarians, após 15 minutos de interação com um animal já são liberados no organismo neurotransmissores importantes, ligados às sensações de prazer e bem-estar.

De acordo com Roberta Araújo, os benefícios vão além. “Se relacionar com um animal ensina as crianças a terem respeito e responsabilidade. Também melhora as suas habilidades de atenção, autoestima e interações sociais, e diminui os níveis de estresse, ansiedade, isolamento e depressão”.
Para Adriana é bem assim. Além das brincadeiras e afagos, o programa de cãoterapia do Prontobaby proporcionou impactos emocionais significativos nesses últimos dois anos, conta:

– Já tivemos adolescentes com dificuldade de socialização e até crianças autistas respondendo bem à terapia, passando a interagir positivamente com os animais, os demais participantes e os médicos. Sem dúvida, esse foi um passo fundamental para melhor aceitação do tratamento médico e do ambiente hospital.

Benefícios da cãoterapia

– Aumenta a autoestima e capacidade de comunicação

– Reduz a solidão e a ansiedade

– Desenvolve novos aprendizados, experiências e afetividade

– Melhora déficit de atenção, concentração, hiperatividade, memória e raciocínio.

Fonte: Dona Comunicação

Comente via facebook
Deixe seu comentário

Quer que sua foto apareça nos comentários? clique aqui
Topo
Mais Lidos do Blog
Fique conectado com a gente!
  • Bom dia
YouTube
Se inscreva!