Cantinho de Estudos

Postado por Gabriella em Decoração
Cantinho de estudo

Cantinho de estudo

Videogame, televisão, brinquedos, tablets, smartphones… são muitos os estímulos que tiram a concentração dos pequenos, não é mesmo? Por isso, é muito importante ter um espaço em casa exclusivamente dedicado aos estudos e aos deveres.

Montar um cantinho gostoso, confortável, bonito e, por que não, divertido pode tornar as crianças encorajadas a estudar e aprender coisas novas.

Cantinho de estudo

Cantinho de estudo

Aproveite as férias para planejar um novo cantinho de estudos para seu filho. Escolha uma escrivaninha em altura correta, uma cadeira confortável, uma estante para livros e uma luminária potente. Isso fará com que a volta às aulas tenha um estímulo a mais!

Cantinho de estudo

Cantinho de estudo

Para os menores, é importante incluir objetos que prendam a atenção deles. Desenhos lúdicos, letras e números aparentes e cores fortes podem ajudar e estimular o aprendizado. Aproveite para espalhar alguns brinquedos educativos pelo quarto, para mostrar que aprender também é divertido.

Cantinho de estudo

Cantinho de estudo

As crianças grandinhas começam a carregar materiais escolares e livros que tomam espaço. Por isso, é importante se preocupar com a organização e a produtividade no ambiente. Abuse de caixas transparentes, prateleiras, nichos e cestos.

Se o quarto infantil é pequeno, é possível improvisar um cantinho de estudos com uma prateleira em conjunto com um banquinho. Assim, quando não estiver em uso, é só guardar o assento embaixo da mesa.

Cantinho de estudo

Cantinho de estudo

Para os adolescentes, o material escolar pode ajudar a decorar a mesa de estudos. Estojos, cadernos e porta-canetas bonitos dão personalidade ao quarto e incentivam as atividades.

Não importa a idade dos pequenos: é importante ter um espaço reservado para as atividades escolares. Organização, conforto e beleza são as palavras de ordem na criação desses projetos.

Fonte: Westwing – Cantinho de Estudos Infantil

Gabriella
08.01 2016
Comentários no Facebook
0 comentários
Deixe um comentário
* Não será divulgado